5 coisas que aprendi com Buffy ♥

domingo, março 13, 2016


No último dia 8 foi o Dia Internacional da Mulher e em homenagem a esse dia o tema da blogagem coletiva do Liga Nerd Girls é Feminerd para inspirarmos o GIRL POWER ao nosso estilo! Eu poderia falar de milhares de coisas ruins, mas quis vir falar com vocês sobre minha série favorita da vida! Quando eu assisti Buffy pela primeira vez (atualmente estou re-assistindo no Netflix) eu tinha um pouco mais de 12 anos e fiquei fissurada, eu queria ser como a Buffy, a fodona, e é esse tipo de exemplo que toda garota precisa, isso já estava lá nos anos 90 e infelizmente não avançou muito nesse meio tempo, por isso estamos recebendo personagens como a Katniss e a Rey como novidade.
Apesar dos efeitos especiais toscos ainda podemos nos divertir muito assistindo Buffy, não só isso como podemos aprender uma série de lições, então aqui vai alguns motivos que fazem a série ter um lugar especial no meu coração:


" (…) namorar também, fazer compras, sair, estudar e salvar o mundo de demônios terríveis. Coisas de menina, sabem? " - Buffy Summers


1. A Buffy não precisa ser salva
...mulheres não precisam ser salvas! Nos primeiros episódios isso pode ser realmente surpreendente, quando pensamos que as coisas estão MUITO feias pro lado dela e torcemos para que o resto da gangue chegue logo ela dá um jeito de dar a volta por cima sozinha, a Buffy não precisa ser salva, ela precisa é salvar todo mundo!

2. Somos todas especiais do nosso jeito
A Buffy pode ser super forte e a personagem principal da série mas as personagens secundárias não ficam pra trás, a Willow alem de ser inteligente e ajudar manjando tudo de computadores se torna uma bruxa poderosa, a Cordélia quebra os esteriótipos de "popular malvada" sempre ajudando do seu jeito e não se diminuindo quando é traída ou perde seu reinado na escola, a Kendra é uma caça vampiros Jamaicana que cumpre seus deveres de forma super séria e rigorosa e mesmo assim derrete nosso coração. Isso fora MUITAS outras personagens lindas! ♥


3. Alguns relacionamentos não funcionam
...e a gente tem que parar de bater nessa tecla. A Willow passa muito tempo apaixonada pelo Xander e isso só serve para machucar ela e atrapalhar quando ela tem um relacionamento de verdade. O Spike pode não ter alma mas ele se esforçou muito mais pela Drusilla do que ela deu valor. E nem vou entrar no mérito do relacionamento confuso que é Buffy x Angel, mas relacionamentos passam e algo melhor pode estar logo ali!

4. Nem os relacionamentos familiares são perfeitos
A Buffy se culpa muito pelos pais terem se separados, e sente muita falta do pai ausente, mas o Gilles acaba se tornando seu pai de consideração. Pais ausentes são uma grande realidade, eu mesma sinto na pele, e acho muito legal de ser problematizado na tv.


5. O amor é livre!
Pode caça vampiros com vampiro, pode bruxa com lobisomem, pode humano com demônio, pode vampira com demônio, pode mulher com mulher! Pode tudo que o seu coração mandar! Eu ainda não cheguei a re-assistir essa parte mas já rolou dicas e eu lembro que a Willow vira lésbica, e mostra a profundidade da relação delas, como a Willow realmente ama a Tara, tanto que sua morte faz ela perder o controle.

O post possui alguns poucos spoilers mas a série é dos anos 90 né gente, dá pra lidar com eles. Eu realmente amo Buffy e recomendo, é um seriado que ganha muitos pontos pela comédia, é só lidar com o fato de a primeira temporada mal ter efeitos especiais e a moda ser totalmente diferente hahaha Não só eu recomendo como o Leonard também ♥


You Might Also Like

15 comentários

  1. Assistia muito Buffy quando era mais nova e gostava muito. Muito válidas as lições que vc separou.
    Bjuxxxx

    ResponderExcluir
  2. Ai Kamii, vou te confessar, não lembro quase nada de Buffy, acho até que eu tinha um pouco de medo! haha
    Esse Leonard todo fofo <3
    Apesar de não lembrar de quase nada, acho que você tocou nos pontos certos Kamii, Buffy deu um tremendo exemplo, ainda mais pra época, pena que ninguém mais investiu nessa representatividade feminina forte, tanto que eu acho que é por isso que Katniss e Tris pareceram novidade quando chegaram!
    Vou rever alguns episódios de Buffy agora que sei que tem na Netflix!
    Obrigada pela indicação e pelo post maravilhoso sobre Girl Power!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu achava bem mais macabro na época também! Mas assistindo agora é pura comédia hahaha

      Excluir
  3. Buffy! Um amigo viiiiive me dizendo que essa é a minha série, e fico feliz de saber que tem no Netflix porque agora já sei o que vou assistir depois de Charmed, hahaha!
    Post digníssimo, Kamii :3 beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu concordo com ele, aposto muito que você vai curtir! Pode confiar e colocar na lista!

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  4. Buffy foi uma das primeira séries que assisti, e claro, me apaixonei né?! Ler sua publicação fez com que eu ficasse com saudades *_*

    ResponderExcluir
  5. Eu amo Buffy e sempre faço pequenas referências a ela em meus textos. :) Adorei o seu por sinal e para mim não há ninguém que represente melhor o Girrrl Power. Você assistiu Charmed também? Shana-Sama quem me enviou o link. aqui. Beijos e parabéns. :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Charmed eu só assisti episódios aleatórios, mas por mais que a pegada seja parecida sou bem mais Buffy <3
      Obrigada :)

      Excluir
  6. Meu Deus, Buffy! Eu morro de saudades de assistir, nossa. Fez muito parte da minha infância/adolescencia e tals hahaha. Saudades de Angel também. :D

    ResponderExcluir
  7. "...namorar também, fazer compras, sair, estudar e salvar o mundo de demônios terríveis. Coisas de menina, sabem? " SIM
    coisa mais linda *u* Existem muitas inspirações e nossa cada uma mais maravilhosa que a outra :3

    beijos

    ResponderExcluir
  8. Adoro a Buffy e olha que até hoje não assisti o seriado direitinho, na ordem cronológica! Lembro de pegar alguns episódios aleatórios na televisão, acho que no canal Sony, mas nunca sentei pra ver. Sei que tem no Netflix, então é questão de tempo para colocar isso em dia! Mesmo assim, gente, que exemplo feminino que é a Buffy! Sempre chutando bundas vampíricas e cheia de estilo. <3

    ResponderExcluir
  9. Eu assisti novamente Buffy depois de velha e amei também! Uma das melhores séries ever, com toda certeza. AMO O SPIKE SOS E O ANGEL TAMBÉM A BUFFY E TODOS AF TO COM SAUDADES DA SÉRIE, ok acalmei. LOL Um beijo e amei a postagem! ♡

    ResponderExcluir
  10. Eu nunca assistir Buffy, mas mulher, depois desse post eu estou apaixonda!! Socorrooooo! <3

    Blog Luanne Oliveira

    ResponderExcluir
  11. Hahahaha amei. Eu vi só alguns episódios e abandonei, mas faz muito tempo... Fiquei com vontade de dar outra chance. O post já começou bem falando que "Buffy não precisa ser salva". Taí um bom aprendizado.

    blogdeclara.com

    ResponderExcluir

Facebook

Instagram