E se eu fosse uma heroína?

quarta-feira, janeiro 13, 2016


Entrei recentemente em um grupo de blogueiras que acredito que vai ser meu queridinho da vez: a Liga Nerd Girls, e o tema do mês é "E se eu fosse uma heroína?" Então tentei pensar nas minhas heroínas preferidas, dos filmes, dos desenhos, dos animes, e começou a rolar uma polemica na minha mente de quem pode ser considerada uma heroína e quem é só uma personagem super poderosa. Também concluí que não tenho muitas favoritas.

Se eu tivesse que escolher um poder acho que não escolheria força física, por mais que normalmente eu escolha personagens físicos nos games (o que anda mudando com Final Fantasy type 0). Eu gostaria de ser uma tipica maga de RPG, como a Lulu (FFX)! A Lulu é uma das minhas personagens favoritas da série, ela parece toda gótica-má mas na verdade tem um coração enorme e ela possui magias elementais e de magia negra :)

Outra opção seria ter o mesmo poder da Ravena, eu nunca li os quadrinhos, mas quando era mais nova amava ela no desenho antigo dos Jovens Titãs! Tipo sério, a mulher voa, se teletransporta, é telepata, empata, e mais, enfim tudo que eu poderia querer. Fora isso eu sempre gostei da personalidade dela também, ela até tem suas semelhanças com a Lulu.

Lulu, Ravena e Mulan
Quando eu era criança minha favorita foi a Mulan, ela me ensinou logo cedo que podemos fazer o que quisermos, não importa se é visto como "coisa de homem", alem de dar uma lição em coragem e em valores, se eu fosse uma super heroína gostaria de ser como ela nesse sentido.

Também incentivada pelo clima do grupo eu até estou começando a ler quadrinhos, até porque outro tema do mês era sair da zona de conforto, quem sabe assim minha lista de heroinas favoritas aumenta! O único que eu tinha lido até agora era alguns capítulos de Sandman, que sinceramente me desanimou bastante. Comecei pela Spider Gwen, que até agora gostei, mas já comecei Suicide Squad, e estou cogitando outros! Mas acho que vou me manter em títulos mais novos por enquanto, e aceito sugestões!

You Might Also Like

11 comentários

  1. Que legal, nunca tinha pensado na Mulan como heroína... O legal é que agora que li seu post me veio na cabeça o filme e nossaaa ela era muito #GirlPower e dava altas lições para vida. Disney sendo cultura desde sempre hahahaha

    Para iniciantes em Quadrinhos sempre indico "Scott Pilgrim", acho que é legal começar acostumando com o jeito como tudo acontece ali nos quadradinhos e ai com o tempo vai para as editoras com sagas gigantes. hahahaha
    Mas se já quer começar nas gigantes sou Marvete então super indico as novas HQs da categoria "All - New Marvel NOW!".

    Beijoss, Chris Pereira
    #GoLigaNerdGirls

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra falar a verdade eu AMEI o filme do Scott Pilgrim foi ler o quadrinho e 'fuen' eu odiei completamente, mas eu sei que 100% da culpa é do Scott que não me desse pela garganta de jeito nenhum, tão babaquinha!
      Vou tentar os dessa categoria da Marvel que você falou!

      Excluir
  2. Acho que se eu fosse uma heroína gostaria de saber telecinese mesmo. Super clichê, mas dá para fazer várias coisas haha

    http://spleen-juice.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Nossa, difícil escolher uma heroína hein? Dessa eu conheço mais a Mulan e também é uma das minhas heroínas preferidas! As outra eu não conheço muito rs Agora sobre HQs, eu não li muito e nem os novos, li só o Guerra Civil da Marvel, o Cidade Eterna da Mulher Gato e o Homem Aranha Noir. Eu gosto mais dos HQs de capa dura porque normalmente a história é finalizada sabe? Guerra Civil de capa dura mesmo é a junção ou resumo dos HQs fininhos. O ruim de HQs assim é que só lançam depois que uma saga termina ou são histórias avulsas e são caros... Mas são lindos *-*
    Beijos! =**

    ResponderExcluir
  4. Adorei o post! ♡ Sinceramente eu acho tão difícil escolher uma heroína... Também entrei para o grupo recentemente e estou adorando. Ainda não tive a oportunidade de fazer nenhuma blogagem coletiva de lá, mas espero que seja logo! Um beijo ♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, na verdade não tem que escolher uma né, a pergunta é como você seria, ser quiser pode inventar um poder da sua cabeça mas eu decidi ter algumas inspirações hahaha
      Eu já vi que vou me divertir muito por lá! :)

      Excluir
  5. oii, oi.

    eu não sei se conseguiria responder qual o meu herói ou heroína favorito, já que gosto e acompanho vários. seria difícil pra mim a escolha.

    no teu texto, tu tocou num ponto importante: julgamento e classificação do que é pra homem ou mulher. poxa! jogar vídeo game, por exemplo, é uma atividade que rende prazer a ambos os sexos.

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, não tem que escolher um favorito, só um poder né hahaha

      E na verdade a questão não é que tem coisas que é pra ambos, TUDO é pra ambos, é isso que temos que entender.

      Excluir
  6. Que ótima ideia a do grupo! Fiquei com vontade de responder ao desafio, haha, mas não quero ser intrometida. Acho que escolheria algum poder tipo o da Jean Grey de X-Men (antes de ser possuída pela Fênix e ficar aloka, claro, haha). Gosto dessa coisa de poder da mente, levitar coisas, telepatia e manipulação temporal. Na verdade arrisco a dizer que ela é a minha favorito dos quadrinhos do X-Men (e eu bem me lembro que todo mundo amava a Vampira, haha). Um beijo!

    ResponderExcluir
  7. Super válida a reflexão. Recentemente eu e uma amiga estávamos discutindo o papel das mulheres nos quadrinhos como Marvel e DC e foi polemico, terminamos frustradas e enfurecidas com a sociedade D: Não conheço a Lulu (só de ver, assim, ibagens) mas conheço a Ravena e a Mulan principalmente, e adorei as escolhas. São mulheres que me inspiram poder, principalmente a Mulan, que me ensinou a seguir meu coração independente das exigências sociais. Adorei o tema, espero que curta muito o novo grupo <3

    ResponderExcluir
  8. Gostei da sua referência a Mulan...Não são heroínas tradicionais..
    Me lembrei da Merida- Valente- lutando por ela mesma, quebrando todas as barreiras e gritando para o mundo que ela não precisa de "príncipe" nenhum!
    Beijos..

    ResponderExcluir

Facebook

Instagram